paca

Programa de apoio à Criação Angolana PACA-FAS

Respondendo aos desafios decorrentes da pandemia do COVID-19 e seus efeitos no sector de artes e criação, a FAS apresenta um programa de arte destinado a artistas cujas práticas e pesquisas foram afetadas pela pandemia. As micro-bolsas oferecidas permitirão a continuidade de pesquisa artística e projectos em processo.

Júri

Elvira Dyangani Ose

Júri convidado



© Maureen M. Evans

Elvira Dyangani Ose é directora do The Showroom, em Londres. Atualmente é afiliada do Departamento de Cultura Visual da Goldsmiths, do Conselho do Pensamento da Fondazione Prada e do Conselho Consultivo da Tate Modern. Até novembro de 2018 foi Curadora Sénior da Creative Time, na 11a edição do Summit e do projeto público de arte “Basilea”. Anteriormente, fez a curadoria do Horse Takes King de Laura Lima, Slight Agitation na Fondazione Prada, onde desde 2015 realizou a curadoria de várias exposições, entre elas “True Value” de Theaster Gates e “T.T.T” de Nástio Mosquito.
Dyangani Ose foi também responsável pela curadoria da oitava edição da Bienal Internacional de Gotemburgo de Arte Contemporânea (GIBCA 2015) e Curador de Arte Internacional da Tate Modern (2011 - 2014). Anteriormente, actuou como curadora no Centro Atlântico de Arte Moderna e no Centro Andaluz de Arte Contemporânea, como diretora artística da Rencontres Picha, Bienal de Lubumbashi (2013) e como curadora convidada da SUD trienal, Salon Urbain de Douala (2010). Outros projetos curatoriais incluem: Uma história dentro de uma história... (2015), Ibrahim El-Salahi: um modernista visionário (2013), Across the Board (2012–2014), Carrie Mae Weems: Estudos sociais (2010), Arte Invisible (2009 - 2010) e Olvida Quien Soy / Apague-me de quem eu sou (2006).
Publicou e deu palestras sobre arte africana moderna e contemporânea e contribuiu para revistas de arte como Nka e a Atlántica. Doutorada em História da Arte e Estudos Visuais na Universidade de Cornell, Nova York; Mestrado em Teoria e História da Arquitetura pela Universitat Politècnica de Catalunya, Barcelona; e bacharelato em História de Arte pela Universitat Autònoma de Barcelona.

Sofia Costa Freire
Assessora Executiva do Conselho de Administração

Júri FAS

Bruno Leitão
Curador-chefe

Júri FAS

Regulamento

Queremos apoiar

- Artistas independentes e profissionais criativos no desenvolvimento de trabalhos originais e convincentes, existentes ou novos.

- Artistas e profissionais de criação cujas pesquisas para projectos futuros e novas idéias foram interrompidas devido às circunstâncias actuais.

- Artistas que desejam adaptar projectos e práticas existentes para o ambiente actual e pensar em novos meios de entrega (por exemplo, online) ou em futuros cenários offline.

- Artistas cuja capacidade de ensinar, participar, curar, escrever ou produzir trabalhos durante este período foi reduzida devido a encerramentos institucionais ou cancelamentos de eventos, exposições e programas públicos.

Orçamento do Programa

Na criação de 10(dez) bolsas de microbolsas da FAS, cada uma com o orçamento equivalente a €1.000(mil euros) em Kwanzas Kz à taxa em vigor do momento.

Cronograma práctico

As inscrições serão aceites a partir de 20 de Maio de 2020 até às 00 dia 30 de junho. Os candidatos vencedores receberão 50% do valor da bolsa até duas semanas após o anúncio final. Até sessenta (60) dias depois e com a recepção de fotografias do processo de projecto e/ou uma memória será feita a transferência da segunda parte da bolsa.

Formulários

O processo de inscrição poderá ser feito através de um formulário on-line simples e curto que pode ser encontrado aqui.
As inscrições podem ser enviadas em português ou inglês.
Todos os candidatos receberão confirmação de que sua inscrição foi recebida, apenas os candidatos aprovados serão contactados.

Critérios de Eleição para os Candidatos

- Residir e trabalhar em ANGOLA no momento da inscrição, ter nacionalidade angolana ou ser descendentes de angolanos (diáspora) a viver no estrangeiro.

- Demonstrar que são activos e comprometidos com suas comunidades criativas locais (via CV).

- Demonstrar integridade de propósito e originalidade de pensamento nos seus trabalhos e nos projetos que estão a propor.

- Os candidatos devem ser um artista individual ou um coletivo, conjunto ou grupo de artistas.

O Programa PACA-FAS abrange

- Desenvolvimento do trabalho existente.

- Preparação e P&D para novos trabalhos.

- Suporte às seguintes situações: cancelamento de exposições, projectos urgentes ou participação em programa de residência no exterior (com documentação).

Adjudicação

As solicitações serão analisadas por um comité composto por membros da FAS e um curador convidado estabelecido internacionalmente. O comité considerará:

- A natureza do projecto - integridade, originalidade e urgência.

- Adesão do projecto aos critérios de aplicação.

- A oportunidade para a qual o profissional se candidata e o impacto que uma microbolsa teria na capacidade do profissional de realizar o projecto.

- A clareza da solicitação por escrito e dos documentos comprovativos detalhando o status do trabalho em andamento.

- Adesão aos critérios acima.

- Entrega por email de uma memória descritiva com opção de utilização de imagens (fotos, desenhos e esquemas) do processo, já que um aspecto essencial deste programa é permitir que a criatividade aconteça.

Privacidade

Nomes, solicitações e qualquer informação pessoal dos candidatos serão mantidos em sigilo para respeitar o direito à privacidade dos indivíduos. A FAS reserva o direito de anunciar publicamente a lista de destinatários.

Candidatura

Nome

Morada

Contacto telefónico

E-mail

CV/BIO

Em alternativa envie imagens de trabalho anterior para contact@forartssake.pt

Projecto

Serão admitidos projectos com um prazo de execução até 4 meses. Em alternativa envie um vídeo com o máximo de 1 minuto e 30 segundos para contact@forartssake.pt

Apoio

No caso de cancelamento de projecto explique o mesmo com documentação relevante, enviar para contact@forartssake.pt